Logotipo Infocontrol
MENUMENU

Ioniflash Connect

Para-raios com dispositivo de teste remoto

ioniflash connect_para-raios

Ioniflash Connect – Para-raios com dispositivo de teste remoto

O Ioniflash Connect é um para-raios único e diferenciador, com avanço à ignição de 60μs, testado até 200 kA (na onda 10/350μs). O seu tempo de avanço à ignição significativamente melhorado é concedido única e exclusivamente pela sua geometria. Esta característica confere-lhe uma elevada fiabilidade e durabilidade.

  • Controlo: com dispositivo de teste eletrónico para confirmar o bom funcionamento do captor.
  • Comunicação Bluetooth: comunicação bidirecional através de smartphone e aplicação do fabricante.
  • Manutenção: facilita o cumprimento da periodicidade de manutenção, de acordo com as recomendações da NP 4426:2013. A bateria do sistema de teste é recarregada através de painel solar.
  • Fiabilidade: construído com materiais de elevada qualidade, garantindo a durabilidade e fiabilidade do sistema.
  • Vida útil: até 25 anos
  • Tempo de avanço à ignição: de acordo com a NP 4426:2013, NA33/2014, NFC 17102:2011 e UNE 21186:2011.
  • Teste de corrente: 200kA na onda 10/350µs
  • Teste de compatibilidade eletromagnética: em ambiente industrial (EN 50164)
  • Condições de chuva: isolamento igual ou superior a 97%. IEC 60060-1 
Aplicação de controlo de para-raios Ioniflash Connect

Aplicação

iOS e Android
Download gratuito “IONIFLASHCONNECT” na Appstore e Google Play.

  • Tecnologia inovadora
  • Certificado laboratorialmente
  • Construído em aço inox 316L
  • Sistema de teste através de Bluetooth
  • Garantia de 7 anos

I-Flash Report - O contador de descargas inteligente

O contador de descargas tem um papel fundamental no sistema de proteção contra descargas atmosféricas, com vista ao cumprimento da periodicidade de manutenção, de acordo com as recomendações da NP 4426, “Proteção Contra Descargas Atmosféricas – Sistemas Com Dispositivo de Ionização Não Radioativo”.

  • Registo do número de raios que atingiram a instalação com data, hora e intensidade de corrente;
  • Transmissão de dados para o smartphone através de comunicação Bluetooth e software do fabricante;
  • Aviso visual quando foi ultrapassada a data de manutenção ao sistema, de acordo com a NP 4426;
  • Acessibilidade através de botões de pressão;
  • Display digital;
  • Grau de proteção IP67
Para-raios Ioniflash Connect para-raios

O que significa o Tempo de Avanço à Ignição?

Todos os sistemas de proteção contra descargas atmosféricas se baseiam nas características elétricas da formação do raio. Na eminência de uma descarga atmosférica é criado um elevado campo elétrico na periferia dos condutores ligados à terra, originando o efeito coroa. Da nuvem parte um traçador descendente que se propaga em direção ao solo. Este transporta cargas elétricas que vão ser responsáveis pelo aumento do campo elétrico. De acordo com o modelo eletrogeométrico, interessa que seja o para-raios o primeiro elemento a entrar em contacto com a esfera de influência do traçador descendente.

Neste caso, desenvolve-se um traçador ascendente que vai criar um canal ionizado por onde se fecha a corrente de descarga. Quanto mais cedo o para-raios emitir esse traçador ascendente, maior será o raio de proteção proporcionado pelo para-raios. Este é o princípio de funcionamento dos para-raios com avanço à ignição, também denominados de para-raios ionizantes.

A figura ilustra o modelo eletrogeométrico aplicado a um para-raios com avanço à ignição. Em torno do para-raios existe uma esfera fictícia com raio ΔL. Quando esta esfera fictícia encontra a esfera (do traçador descendente), estabelecem-se as condições para criar o canal ionizado e um caminho para a descarga atmosférica. A dimensão do raio D é determinada de acordo com o nível de proteção adotado. O nível de proteção é determinado através de um estudo que permite quantificar os riscos associados a uma descarga atmosférica direta na estrutura. A NF C 17-102 (1995) foi a primeira norma que estabeleceu este princípio, quantificando o raio de proteção associado a um para-raios ionizante. Atualmente existe um documento normativo português neste âmbito, a NP 4426:2013.

 

Cálculo do raio de proteção

A NP 4426:2013 estabelece o raio de proteção obtido com um para-raios com avanço à ignição. O raio de proteção de um Para-raios com Dispositivo de Ionização está ligado à sua altura (h) em relação à superfície a proteger, ao seu tempo de avanço de ionização e ao nível de proteção selecionado.

Onde:
Rp (h) (m) corresponde ao raio de proteção de uma dada altura h
h (m) é a altura da extremidade do PDI relativamente ao plano horizontal do ponto mais alto do objeto a proteger

    • r = 20 m para a proteção de nível I
    • r = 30 m para a proteção de nível II
    • r = 45 m para a proteção de nível III
    • r = 60 m para a proteção de nível IV

(m) ∆ = ∆T x 106

De acordo com a NP4426:2013 o cálculo do raio de proteção é efetuado com um tempo máximo de avanço à ignição de ∆T= 60μs. O raio de proteção do Ioniflash Connect, de acordo com a norma, é apresentado no quadro seguinte.

Outras soluções

Ioniflash Mach 60_Para-raios_SPDA
Ioniflash Mach 60 - Para-raios ionizante
Contador de descargas_SPDA
I-Flash Report - Contador de descargas

CONTACTE-NOS

SUBSCREVA A NEWSLETTER

Receba convites para seminários e eventos, notícias, artigos técnicos,  promoções, divulgação de novos produtos.

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba convites para seminários e eventos, notícias, artigos técnicos, promoções, divulgação de novos produtos.