Logotipo Infocontrol
MENUMENU

Manutenção e Auditoria a SPDA

Para o pleno funcionamento de um sistema de para-raios é essencial que os componentes constituintes do mesmo se encontrem em perfeitas condições.

Os sistemas de proteção contra descargas atmosféricas são essenciais para a proteção das nossas instalações, essencialmente em edifícios ou estruturas onde a continuidade de serviço têm um papel fundamental, sob pena de causa de danos humanos ou materiais. Estamos a  falar de  hospitais, data centers, torres de telecomunicações, indústrias e das nossas próprias casas.

A importância destes sistemas é  há muito conhecida. No entanto a sua manutenção é na maioria das vezes descurada. Para o pleno funcionamento de um sistema de para-raios é essencial que os componentes constituintes do mesmo se encontrem em perfeitas condições, nomeadamente os condutores de baixada, o ligador amovível, a proteção mecânica e a sua ligação à terra.


A periodicidade de verificação destes componentes deverá ser definida em função do nível de proteção. Segundo as recomendações da NP4426 “Proteção de estruturas e de zonas abertas mediante para-raios com dispositivo ionizante não radioativo”. A sua verificação deverá ser antecipada sempre que se verifique um impacto de raio. Este registo pode ser observado no contador de descargas.

asdscdacxzczx
Nível I
Nível II
Nível III
Periodicidade normal

2 anos

3 anos

3 anos

Periodicidade especial

1 ano

2 anos

2 anos

O nosso serviço de manutenção e auditoria

Este serviço consiste numa análise minuciosa dos sistemas por técnicos qualificados e foca-se se essencialmente nos seguintes pontos:

1. Verificação que  todos os componentes do sistema cumprem norma NP4426.

2. Inspeção visual  que verifica:

  • se alguma extensão ou modificação da estrutura protegida necessita ou não da instalação de disposições complementares de proteção;
  • a continuidade elétrica dos condutores;
  • se a fixação dos diferentes componentes e as proteções mecânicas estão em bom estado;
  • se nenhuma parte está afetada por corrosão;
  • se as distâncias de segurança são respeitadas e as uniões equipotenciais são suficientes e estão em bom estado

3. Verifica- se ainda:

    • a continuidade elétrica dos condutores não visíveis;
    • a resistência das ligações à terra 

4. Apresentação de relatório onde constam todas as anomalias registadas e ainda as medidas corretivas que devem ser adotadas com a maior brevidade possível com vista a garantir a eficácia do sistema.

Caso o seu para-raios seja do tipo radioativo  temos os meios necessários para  efetuar a sua recolha, cumprindo todos os procedimentos de segurança, e procedendo à entrega do captor às entidades nacionais competentes (Instituto Tecnológico Nuclear).

Contacte-nos e saiba como poderá aumentar a sua segurança e das suas instalações.

CONTACTE-NOS

SUBSCREVA A NEWSLETTER

Receba convites para seminários e eventos, notícias, artigos técnicos,  promoções, divulgação de novos produtos.